quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Vem

I.
Vem me enlouquecer
com teu suor e saliva
crava com prazer
essa paixão lasciva.

II.
Vem e me castiga no ritmo do amor
esgota as horas, a boca sem pudor
contrai, sussurra, devora com ardor
incendeia com esse corpo arrebatador.

III.
Vem roçar e gozar pra espantar todo o mal
traçando de quatro, prazer descomunal
chora, geme, arranha nessa luta carnal
sugando cada gota do prazer oral.

IV.
Vem, agora, entra aqui nos meus sonhos,
e me faz gozar enlouquecidamente!

(Rafael Jr)